Criadores satisfeitos com opção pelo Brahman
de 19/08/2014 a 19/08/2014

A pecuária hoje, mais do que nunca, é um negócio altamente profissionalizado, muito diferente dos tempos em que se colocava os animais no pasto e se esperava os resultados. Fazer uma análise de mercado levando em conta fatores geográficos e climáticos são essenciais na definição de qual raça possui as melhores características de adaptabilidade em cada caso. O investimento em uma boa genética é outro fator essencial para o sucesso do rebanho. “Hoje está claro que o bom aproveitamento de todo o esforço de produção pecuária, depende de se usar também uma genética adequada. Aquilo que os genes transmitem de uma geração para outra transforma-se integralmente em lucro, porque vai fazer o mesmo espaço e recursos produzir mais carne. A seleção genética nada mais é do que um acúmulo de características excepcionais dos melhores exemplares de cada raça”, afirma o agropecuarista cascavelense Rogério Stein.

Há mais de 20 anos presente no Brasil, oriunda dos EUA, o Brahman vem surpreendendo os agropecuaristas pela sua precocidade e ganho de peso. “Entre os zebuínos, o Brahman é a raça de corte que mais contribuição tem a dar ao Brasil”, ressalta o criador Reno Kunz, que juntamente com Rogério Stein promove o 2º Leilão Genética Paraná, no dia 30 de agosto, no Parque de Exposições de Cascavel. “Estaremos oferecendo somente os melhores animais da RPK Genética e Brahman Xagu, resultado de anos de seleção dessa raça que é considerada hoje o zebu mundial”, enfatiza Kunz.

Em sua segunda edição, o Leilão Genética Paraná já contabiliza diversas histórias de sucesso, como é o caso do agropecuarista Iomar Schiller Weirich, de Vera Cruz do Oeste/PR. “Após uma extensa pesquisa de mercado, chegamos à conclusão de que os touros Brahman são a melhor opção para cruzamento com Angus. Uma vaca 1/2 sangue Angus é pequena e desenvolve muito bem com o touro Brahman, gerando bezerros pequenos e muito precoces, que ganham peso rapidamente”, diz Iomar. “Os touros adquiridos no Leilão Genética Paraná nos renderam resultados muito bons. Recomendo a meus amigos agropecuaristas que buscam uma raça com precocidade e ganho de peso”, conclui.

Já José Romildo Vicentini, que possui propriedade em Guaraniaçu/PR, mudou do Nelore com Angus para cruzamento de Brahman com Angus. “Mudei porque há dois anos investi em touros Brahman através do Leilão Genética Paraná. Hoje, com o cruzamento Brahman/Nelore, o resultado está sendo muito satisfatório”, afirma. Vicentini conta que o sobrinho, que é agropecuarista em Colider/MT, há dois anos também trocou todos seus touros por Brahman. Segundo ele na criação extensiva, a pasto, o grande destaque é a precocidade. “Enquanto um Nelore fica pronto para o abate em 36 meses, os animais com cruzamento Brahman ficam no peso ideal em apenas 30 meses”, comemora.

A bezerrada gerada da cruza dos touros Brahman com Nelore e Tabapuã é a coisa mais linda de se ver”, comemora José Aurenides Elias, agropecuarista em Diamante do Oeste/PR. “Adquiri cinco touros Brahman na primeira edição do Leilão Genética Paraná. Estou muito satisfeito com os animais. Dentre as características do Brahman as que mais gostei foram a docilidade, o ganho de peso e mais carcaça. E também acompanha bem a vacada”, afirma Aurenides. Ele destaca também a produção de leite das vacas, que é muito boa. “E na hora de vender a bezerrada, os colegas agropecuaristas fazem fila para comprar. Muitos nem se dão ao trabalho de ir ver os animais, pois quando sabem que é Brahman compram de olhos fechados”, comemora.

No próximo dia 30 de agosto, o 2º Leilão Genética Paraná oferecerá 30 lotes de touros melhoradores, criados a campo, prontos para monta e lotes de cruzamento industrial. “Com certeza será uma ótima oportunidade para se investir em genética e se preparar da melhor maneira para ter resultados no campo”, finaliza Reno Kunz, convidando os agropecuaristas para o evento.